O dito da boca
não tem mais nada a dizer;
não foi proibido,
não foi reprimido;
pelo contrário, foi incentivado a fazer
tudo que quis.

Anos atrás, entrou pela porta, sedento de voz.
Matou os varões. Tomou as mulheres.
Instituiu o tempo do grito.
Urrou porcarias. Quebrou as imagens, pichou os espelhos com sangue inocente.
Bebeu o que tinha na adega. Queimou os livros sagrados
e urinou nas fotografias.

O pai conhecia seu coração e apenas olhou.
A mãe, lhe professou o amor
e com paciência aguardou.

Naquelas paredes imundas, cantou-se louvor ao demônio.
Orou-se por sua chegada.
Na data adequada, foi preparada uma festa conforme um anúncio de encruzilhada.
Havia velas vermelhas, arranjos de excrementos
e um coro de mil e quinhentos lamentos.
Um bicho foi sacrificado em sua homenagem.
O grande louvado, não compareceu.
Ninguém entendeu o que não lhe era de agrado;
A festa foi rejeitada pelo diabo.

Os gritos de guerra perderam a pôse.
A barbaridade sentiu-se sozinha, calou-se num canto e chorou.
De tanto chorar acabou dormindo. Inédito, sonhou com o mar.
As perversidades do corpo ouviram o canto de uma sereia. Anestesiadas, hipnotizadas, partiram ao seu encontro e foi nesse mar que se afogaram.
O dia seguinte nasceu em silêncio. Fora o balanço das águas, não havia nada para falar.
Do corpo inerte na cama, abriram-se os olhos bem devagar.

Ao lado da cama estava o pai. Tomava café e lia o jornal, enquanto a mãe, de lenço e chinelo de dedos, assava tarecos e batia, com leite, banana e mamão, uma vitamina adoçada com mel.

2 comentários:

Julio disse...

Voz....
Engraçado.... .... voz......

A mesma voz que derruba muros é a que tira vidas e, PIOR, faz lacrimejar corações.

"A boca do justo é manancial de vida, porém a boca dos ímpios esconde a violência." Provérbios 10:11

Quem há que de tão justo possa afirmar exercer suficiente controle sobre sua língua?

Quanto ao mais.... bom.... resumo meus comentários à este início.
Mas.... se me é permitido alterar o obra do artista, não me parece que a homenagem tenha sido rejeitada. Do contrário, não haveríam sereias agindo sobre a percepção humana com o escopo único de gerar a morte.

E que cada um entenda como quiser.
E se interpretarem mal e me julgarem, já estarei feliz por ter insentivado a análise e discussão por outros prismas.

DEUS abençoe nossas vidas e tenha misericórdia de nossa natureza.
;)

Enfim... disse...

Wer ist der Koffer da oben???

Que linda catárse!

"Quem conta seus males espanta."

Beijoca